Gerson Valle

Viver a contemporaneidade literária, mesmo reconhecendo que esta não esteja à altura de grandes nomes do passado, é sempre alentador por dar a sensação da pujança da Arte das Letras. No comum do romance de hoje em dia, entretanto, há uma repetitiva onda de narrativas policialescas, onde o leitor é envolvido com o desvendamento de mistérios, crimes, importando menos as inverossimilhanças e concentrações descritivas mais refinadas e/ou reflexivas, como foram sempre representativas na melhor Literatura.

Leia mais...

A Academia Araruamense de Letras (AARALETRAS) já retomou as atividades para o ano de 2017. Os saraus serão realizados no segundo sábado de cada mês, sempre às 16 horas. O primeiro evento deste ano acontece no próximo sábado, na Casa de Cultura José Geraldo Caú, comemorando dois anos de fundação do sodalício. A entrada é franca.

Leia mais...

Alguns shakespereanos se intrigam pelo fato de treze da trinta e cinco peças escritas por William Shakespeare (1564-1616) serem localizadas na Itália. Isto pode não ter significado algum, mas em se tratando de um dos mais louvados escritores de todos os tempos, de que sempre foi envolvido com certo “mistério” em torno de sua vida (o que parece ser um “gosto” do país das neblinas, dos castelos ditos mal-assombrados, dos “sherlocks” para desvendar mistérios...), em que até sua existência já foi questionada, ou se era o ator que existiu com este nome o real escritor das peças por ele representadas (uma vez que os atores de então não possuiriam, em geral, a cultura histórica e filosófica que ele apresenta), pode parecer um indício de algum fato a ser pesquisado...

Leia mais...
Página 1 de 2