Com o objetivo de avaliar a situação da saúde no município, definindo diretrizes e fortalecendo a participação da comunidade, foi realizada na sexta-feira, dia 7, a VIII Conferência Municipal de Saúde de Araruama, que também elegeu os delegados para a VII Conferência Estadual.

 

 O tema da Conferência deste ano foi “Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas – direito do povo brasileiro”. Os grupos temáticos discutiram o direito à saúde, a participação do Controle Social e o financiamento do Sistema Único de Saúde (SUS).

 O evento contou com palestras realizadas por Paulo Tavares (Financiamento do SUS e Relação Público-Privada), Étila Elane (Direito a Saúde, Garantia de acesso e atenção de qualidade: participação, controle social e valorização do trabalho e educação em saúde) e Solange Belchior (Gestão do SUS e modelo de atenção à saúde; ciência, tecnologia e inovação no SUS).

 A comunidade participou ativamente dos debates e propostas para implementação em nível municipal, estadual e federal. Entre os temas sugeridos na conferência tiveram destaque a descentralização do atendimento na atenção básica com a construção de novos postos de saúde nos bairros, a valorização do profissional de saúde, a oferta de terapia complementar e holística para a população através do sistema público de saúde, o fortalecimento da política de implantação do saneamento básico no município como fator preventivo de doenças, entre outros.